O berço da humanidade – Joey Lawrence | Ibagens do Dia #24

Com apenas 23 anos de idade, o fotógrafo canadense Joey Lawrence já é um mestre da fotografia. Lawrence começou com 17 anos de idade com fotografias comerciais e fotojornalismo.

As das primeiras imagens de Joey foram feitas em uma câmera de 1.3 megapixels. Apesar de ter atualizado o seu equipamento ao longo dos últimos três anos de atividade, ele argumenta que o olho por trás da câmera é mais importante do que o próprio dispositivo.

“Essas imagens evocam de forma mais poderosa e gloriosa o local de origem de toda a humanidade. Da África, 40 mil anos atrás, nossos ancestrais humanos começaram a sua grande jornada e, dentro de 2.500 gerações, cresceu uma imaginação que foi para todos os cantos do mundo habitável. “- Wade Davis, National Geographic Explorer, Etnobotânico, Antropólogo

Viajou para a África, de norte a sul, clicando com sensibilidade as culturas e tradições de povos ameaçados, ou melhor, quase extintos. Com seus efeitos de iluminação, Joey cria retratos dramáticos, dando ao espectador uma visão poderosa da vida das pessoas fotografadas.

É uma coleção de encher os olhos.


Joey tem um portifólio completíssimo e recheado. Tem como clientes comerciais:
Coca-Cola, National Geographic, JWT, Doner, McGarry Bowen, Upshot, Cimarron Group, Verizon, Nickelodeon, History Channel, Canal FX, Smirnoff, Pennzoil, Kawasaki, a Summit Entertainment, Forbes, Serviços para os carentes, o governo de Abu Dhabi.

Veja mais fotos como essas no site: http://www.joeyl.com/

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: